segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Imagine Belieber "In love again" - Cap. 41

Cole: Vai levá-lo?
Dylan: Gabriela disse que pretende ir semana que vem.
Scooter: Não sei, vou tentar.
Chris: Você vai conseguir.
Justin: Conseguir? – Olhei-o assustado.
Ryan: Scooter quer pedir Carin em casamento, mas esta com medo, não é? – Olhei-o sério.
Justin: Sério Scooter? – Assenti.
Scooter: Mas eu acho muito cedo, não sei, estou em duvida, preciso pensar. Até mais.
Chris: VOCÊ PRECISA CONSEGUIR!
Justin: Me contem sobre Londres. Quero saber o que há de especial lá. – Ouvi Bieber dizer e fechei a porta...

Uma semana depois...
Cheguei a Londres e fui caminhando pelo aeroporto. Vovó estava segurando uma folha com meu nome. Aproximei-me e abracei-a.
Amélia: Como você cresceu! – ela me girou. – Está linda.
Gabriela: Obrigada vovó. – Abracei-a outra vez.
Amélia: Vamos para casa logo, não quero perder um segundo dessa sua visita. – Assenti e fomos em direção a um taxi.
[...]
Vovó me mostrou a casa, que era enorme, e por ultimo o ‘meu’ quarto. Era roxo e lilás com os moveis de madeira e nas paredes tinham quadros com fotos da família.
Gabriela: Fez isso para mim vovó?
Amélia: Claro, querida. – Sorri e abracei-a. – Agora guarde suas roupas e depois vamos almoçar fora.
Gabriela: Eu almocei no Brasil.
Amélia: E perdeu a janta. Dormiu o vôo inteiro?
Gabriela: É, acho que sim. – Falei confusa e ela riu.
Amélia: Ok, vou dar um tempo para você colocar a cabeça em ordem. – Assenti e ela saiu do quarto. Guardei minhas roupas no armário e quando terminei minha barriga estava roncando. Sai do quarto e fui para a sala. Vovó assistia TV. – Pronto?
Gabriela: Sim. – Nós fomos para um restaurante do condomínio. Vovó dirigiu até lá.
Amélia: Já dirige querida?
Gabriela: Não, meus pais não confiam em mim. – Fiz ela rir. Depois do almoço, vovó me levou para conhecer a cidade. Ela queria ir ao London Eye, mas havia um tumulto nele.
Amélia: Deve ter algum famoso ali.
Gabriela: Quem será? – Tentar ver, mas era impossível, estamos longe.
Amélia: Não sei – Vovó disse concentrada na estrada.
Gabriela: Eu posso ir ver quem é?
Amélia: Sim, mas eu preciso ir trabalhar.
Gabriela: Eu volto sozinha.
Amélia: Pegue um taxi e de esse endereço. – Ela me deu um pedaço de papel. – Não vá longe, não chegue tarde e tome cuidado.
Gabriela: Ok. Até mais. – Desci do carro e caminhei até a multidão. As garotas que gritavam e pulavam impediam de eu ver quem era. – Com licença. – Falei ao segurança. Ele me olhou sério. – Quem esta causando tudo isso?
Segurança: Justin Bieber. – Respondeu sem me olhar. Senti meus olhos lacrimejarem, não falava com ele há tempos, ok, foi uma semana, mas é muito. – Precisa de algo?
Gabriela: Não, obrigado. – Virei-me e tentei ver Justin. A turnê não passaria por aqui, ainda estava confusa.
Justin: Garotas façam silencio, se não todos vamos ter que ir embora. – Ele pediu com carinho. – Meu passeio continua depois, quem quer fazer uma pergunta? – Todas levantaram a mão, menos eu. Justin olhava para o rosto de cada fã ali. Até que encontrei seu olhar. Ele ficou intacto. Scooter cutucou Justin. Ele esfregou os olhos e me olhou de novo. – Você – Ele apontou para uma garota loira, que estava perto dele, mas continuou me olhando.
Garota: Você esta apaixonado por alguém?
Justin: Quer mesmo a resposta?
Garota: Sim.
Justin: Sim, eu estou, e quem não está? – Bieber me olhou outra vez. Virei-me e não olhei para trás. Fui caminhando para o uma loja de roupas ali perto. Tentei não ficar triste comprando roupas novas, preciso dizer que não deu certo? Depois daquela loja fui para uma lanchonete e comprei um suco. Voltei ao London Eye, já não estava lotado, Justin devia ter ido embora. Mas eu perdi a vontade e entrar ali. Parei um taxi e entreguei o papel com o endereço. Desci do taxi ao chegar, paguei e caminhei até a porta.
Gabriela: Droga. – Vovó não deixou a chave comigo. Pulei o muro e fiquei no jardim, deitada no banco de ferro. Fechei os olhos para não ficar cega com o a luz forte do sol e acabei cochilando.

- Hey garota. – Ouvi alguém dizer e abri os olhos. O menino estava sentado no muro da casa ao lado. – Desculpe te acordar. Pode pegar a bola pra mim? – Ele apontou. Levantei e joguei-o a bola.
- Vai demorar? – Alguém gritou. Eu conhecia aquela voz.
- Qual o seu nome? – O garoto me perguntou.
Gabriela: Gabriela, e o seu?
- Harry, prazer. – Ele sorriu.
- Harry é pra ontem! – Eu conhecia aquela voz, tinha certeza.
Harry: Cala a boca Justin.
Gabriela: Justin?
Justin: Com quem está falan... – Ele se pendurou no muro e se calou ao me ver.
Harry: Eu encontrei a perfeição.
Justin: Ficou maluco? Você não encontrou nada.
Harry: Pode parar Bieber. – Ele empurrou Justin.
Justin: GABRIELA É MINHA, HARRY! – Justin puxou Harry para o outro lado do muro.
Gabriela: Parem – Gritei e fiquei na ponta do pé, para ver os dois.
Harry: Estou brincando, chega Justin. – Ele disse, fazendo Justin solta-lo. – Ela é sua, pronto. – Ele levantou as mãos.
Gabriela: Como é infantil. – Falei olhando Justin.
Justin: Desculpa aí, mas infantil é o que você faz quando não consegue encarar a realidade e simplesmente vai embora.
Gabriela: Ah, por favor, você nem tem coragem para dizer que sente algo por mim, não tem coragem de me pedir em namoro, só diz “eu te amo” e não faz nada pra provar.
Justin: Eu tento...
Harry: DR?
Gabriela: Não tem relacionamento para ter uma discussão. – Virei-me.
Justin: Não ainda – Ele me abraçou por trás. – Eu te amo e vou provar. – Justin me virou e colocou as mãos em meu rosto. – Te amo muito. – Ele me beijou.
Amélia: Gabriela? – Afastei-me do Justin.
Gabriela: Vovó, eu...
Justin: Olá, dona Amélia.
Amélia: Justin!
Harry: Dona Amélia, pode brigar com o Justin, isso não é coisa que se faça com sua neta.
Amélia: Vocês não deviam estar sozinhos aqui!
Justin: Desculpe.
Gabriela: Vovó, eu...
Amélia: Já se conheciam?
Justin: Sim, estudávamos no mesmo colégio.
Gabriela: Eu...
Amélia: Mesmo assim, não deviam estar sozinhos.
Gabriela: Eu...
Harry: Justin não tem vergonha na cara.
Gabriela: Eu...
Justin: Cala a boca Harry.
Gabriela: EU POSSO FALAR? – Eles se calaram. – Não quero mais. – cruzei os braços.
Justin: Diz amor.
Gabriela: Não. – Fiz bico.
Amélia: Ok, então vá para dentro Gabriela e você pode ir para a casa do Harry, Justin. – A obedecemos.
Gabriela: Ficou brava, vovó?
Amélia: Vocês estavam se beijando, estavam sozinhos, isso não é certo.
Gabriela: Desculpa.
Amélia: Já namoraram? – Assenti. – Era ele no Eye?
Gabriela: Sim.
Amélia: Ainda se gostam?
Gabriela: Muito.
Amélia: Mas... – A campainha a interrompeu. Vovó abriu a porta. – Scooter! – Olhei-o e sorri.
Scooter: Oi! – Ele abraçou a vovó e eu caminhei até ele.
Gabriela: Scoot! – Abracei-o.
Scooter: Vim convidá-las para jantar.
Gabriela: Eu preciso me arrumar!
Amélia: Entre Scooter.
Scooter: Vá se arrumar Gabriela. – Assenti e corri para o ‘meu’ quarto.
[...]
Scooter abriu a porta da casa e um cachorro correu para fora. Justin e Harry corriam atrás dele.
Harry: Olá. – Ele sorriu com o cachorro em mãos.
Justin: Amor. – Ele sussurrou em meu ouvido. Vovó já havia entrado. – Não terminei de...
Harry: Dona Amélia vai ficar brava. – Ele disse e eu empurrei Justin. – Entre Gabi.
Justin: Vem. – Ele segurou minha mão e me puxou para dentro.
Gabriela: O que Harry é seu?
Justin: Amigo, Scooter é amigo do pai dele.
Harry: Casal, vamos jogar videogame?
Justin: SIM! – Ele me soltou e se jogou no sofá.
Gabriela: Vicio!
- Crianças, venham jantar.
Harry: Mãe, você conhece a namorada do Justin?
Justin: Namorada?
- É você?
Gabriela: Sou Gabriela, prazer.
Harry: Preciso dizer que ele tem sorte?
- Como é linda. – Ela sorriu. – Sou Anny.
Gabriela: Oi. – Sorri.
Justin: Não namoramos.
Gabriela: Se incomodou com a idéia Justin? – Olhei-o nervosa.
Justin: Não, mas não namoramos.
Gabriela: Onde minha avó está? – Perguntei à Anny. Ela apontou a cozinha. Fui para lá.

*Justin narrando*
Justin: Viu o que fez Harry?
Harry: Você que é idiota e eu que fiz o errado?
Justin: Se não tivesse dito, ela não teria ficado nervosa.
Harry: Se você fosse mais esperto, ela não teria ficado nervosa. Você tem uma jóia em suas mãos e vai perder assim? – Olhei e ele saiu dali. Sentei no sofá e coloquei as mãos no rosto.

[...]
Justin: Me desculpa amor. – Ela estava no jardim, brincando com o cachorro do Harry. – Não me ignore.
Gabriela: Me deixe.
Justin: Não, nunca irei te deixar.
Gabriela: Nunca diga nunca Bieber.
Justin: Eu tenho certeza de que nunca vou te deixar. – Abracei-a. – Por que você é a única que me faz feliz, é minha única paixão, é meu amor, minha, só minha.
Gabriela: Não sou nada sua.
Justin: Por favor, para!
Gabriela: Foi você que disse!
Justin: Eu estava dizendo a verdade, não namoramos ainda.
Gabriela: Então não me diga que sou sua.
Justin: Ok, vai ficar assim?
Gabriela: Estou normal.
Justin: Ta bom Gabriela. – Soltei-a e entrei na casa. Fui para o quarto de hospedes.
Scooter: O que foi? – Ele escovava os dentes.
Justin: Gabriela.
Scooter: Já brigaram?
Justin: Acho que sim.
Scooter: Por favor, isso irrita cara.
Justin: Ela não acredita em mim.
Scooter: Você não dá motivos para ela acreditar.
Justin: Você não sabe de nada. – Falei nervoso.
Scooter: Não desconta a raiva em mim, não tenho culpa da sua briga com ela.
Justin: Desculpe. – Entrei no banheiro depois do Scooter sair.
Scooter: O que vai fazer?
Justin: Vou tomar banho e depois vou dormir. – Fechei a porta. Tomei banho e depois me joguei na cama. Fechei os olhos, mas não dormi. Ouvi o barulho da porta e continuei de olhos fechados.
Gabriela: Boa noite meu amor. – Ela beijou minha testa e saiu do quarto. Sorri e dormi.
CONTINUA...


Desculpem a demora, eu to muito gripada. Só consegui escrever isso, desculpem. Comentem!

7 comentários:

  1. omggg!!!!!!!! que lindooooooooo!! continuaa logoo!! e melhoras Gabi!!

    ResponderExcluir
  2. Ain Deus que lindo dormiu só depois do beijo que perfeito ! kkk continua floor !

    ResponderExcluir
  3. Tudo bem! Melhoras flor :)
    Essa #IB é d-e-m-a-i-s! Hahaha'
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Cooooooooooooooooooooooooooooooontiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiinuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  5. AWWWWWN QUE LIIIIIIINDOS ' heei gatinha .. melhoras tá ? beijos e continua

    ResponderExcluir